Todos os detalhes sobre a belíssima Rio de Contas

Igreja de Pedra Rio de Contas
Igreja de Pedra – Rio de Contas, Bahia

Primeiramente, Rio de Contas é a cidade mais ao sul da Chapada Diamantina e tem aproximadamente 15000 habitantes. As origens da cidade estão em um povoado fundado por escravos alforriados no século XVII.

Além disso, o Auge de Rio de Contas ocorreu na metade do século XVIII durante a época da exploração de ouro na região. Atualmente os casarões em estilo colonial, os quais são tombados pelo IPHAM, são o charme da cidadezinha. Por fim, seus principais pontos turísticos são a cachoeira do Fraga, a Ponte do Coronel e a Fazenda Vaccaro.

Cachoeira do Fraga

Cachoeira do Fraga
Cachoeira do Fraga – Rio de Contas, Bahia

A cachoeira mais famosa e a de mais fácil acesso em Rio de Contas é a do Fraga. Fica muito próxima à cidade, aproximadamente 5 minutos de carro, sendo possível parar o carro ao lado da cachoeira. A saber, o único obstáculo para acessar o poço da parte inferior é uma pequena descida um pouco íngreme.

A cachoeira é perfeita para banho, pois,além de formar um poço bem grande, tem uma profundidade ideal (não cobrindo uma pessoa de 1,75 m em nenhum ponto). O único cuidado que se deve ter é para não ultrapassar algumas placas de perigo que existem no local. Esses avisos não são a toa, já ocorreram diversos acidentes com pessoas que não respeitaram essa sinalização, alguns inclusive fatais.

Além disso, na parte superior da cachoeira existe um barzinho que serve bebidas e diversos tipos de petiscos.

Ponte de Coronel

A Ponte do Coronel é atualmente o ponto turístico mais visitado em Rio de Contas. Fica localizada a aproximadamente 13 km do centro e a estrada de acesso, embora seja de terra, é de boa qualidade. O local consiste de um rio bem tranquilo que forma várias corredeiras e poços com profundidades variáveis e bem tranquilos para banho.

O local possui uma estrutura bem modesta, dispondo de alguns bares e lanchonetes que servem bebidas e petiscos. Devido à proximidade com a Fazenda Vaccaro, é recomendável que concilie esse passeio com a ida à fazenda, visto que lá há uma estrutura completa pra almoço.

Fazenda Vaccaro

 A Fazenda Vaccaro fica localizada na mesma direção que a Ponte do Coronel, porém a cerca de 9 km do centro da cidade. Além de oferecer opções de Day use, ela é um hotel, desse modo é possível ficar hospedado por lá caso deseje (há opções de camping e chalés construídos em cima de árvores).

A estrutura do local é completa para receber o turista, tendo restaurante e alguns bares espalhados pela propriedade. O rio que passa por lá é bem tranquilo para banho. Os donos do local fizeram algumas piscinas naturais ao longo do rio e as pedras em um dos pontos foram moldadas de modo a ser formado um escorregador. É necessário cuidado caso não saiba nadar, pois em alguns pontos a profundidade das piscinas cobre facilmente uma pessoa de 1,80 m.

Além disso, na Fazenda Vaccaro é produzida a cachaça mais famosa da região, a Serra das Almas. Essa é saborosa e já foi premiada como uma das cachaças mais deliciosas do Brasil. É possível fazer um tour pelas instalações e conhecer o processo de fabricação.

Por fim, ainda existe na fazenda uma trilha que leva a três mirantes, sendo que o mais distante deles está a uma distância de 300 metros. A vista é muito bonita e vale a pena conferir.

Contato

Gostou dessas dicas de Rio de Contas? Caso tenha qualquer dúvida ou se necessitar de mais informações é só deixar um comentário abaixo, terei o maior prazer em respondê-lo. Se preferir, pode entrar em contato comigo CLICANDO AQUI ou então é só enviar um e-mail para contato@wellsnaestrada.com.br.

Já me segue nas redes sociais?

Para acessar minha página do Instagram CLIQUE AQUI, ou então procure por @wellsnaestrada.

Para acessar minha página do Facebook CLIQUE AQUI, ou então procure por Wellsnaestrada.

Nossa loja de imagens

Para acessar nossa loja de fotos basta CLICAR AQUI, lá você encontrará várias opções de imagens para download ou para adquirir impressa, legal né?

Todos os detalhes sobre Mucugê e seus encantos

Mucugê
Casarões de Mucugê – Mucugê, Bahia

Primeiramente, Mucugê é uma cidade de aproximadamente 9000 habitantes que fica localizada na parte central da Chapada Diamantina. De fato foi a primeira cidade da região a atrair exploradores sedentos por novas jazidas de pedras preciosas por volta de 1822.

Além disso, suas principais atrações turísticas são o Cemitério Bizantino, o projeto Sempre Viva, as cachoeiras da Piabinha e do Tiburtino e os poços Azuis e Encantados. Esses dois últimos, embora não fiquem no Município de Mucugê, ficam bem próximos (nos municípios de Nova Redenção e Itaetê ,respectivamente), podendo ser visitados em passeios de bate e volta. 

Cemitério Bizantino

cemitério bizantino
Cemitério Bizantino – Mucugê, Bahia

O cemitério Santa Isabel, mais conhecido como cemitério Bizantino de Mucugê, fica localizado no km 15 da rodovia BA-142, bem na entrada da cidade. Sua construção se iniciou por volta de 1855 após uma epidemia de cólera que atingiu a região, mas as obras só se concluíram em 1886. 

Antes de tudo, a denominação “Bizantino” vem da semelhança com as cúpulas brancas do mar Egeu que foram feitas durante o império Bizantino nos séculos X e XI. A arquitetura é única e os túmulos, emoldurados pela montanha na qual estão posicionados, rendem fotos incríveis. Dessa forma, vale muito a pena conhecer o lugar e entender um pouco da sua história. De Mucugê é possível ir a pé até lá e não a entrada é franca. 

Projeto Sempre Viva

O projeto Sempre Viva tem por objetivo a preservação da sempre-viva, flor típica da chapada que está ameaçada de extinção. Fica localizado no km 96 da BA-142, bem próximo da cidade de Mucugê. 

Além de tratar da preservação da planta, o projeto também conta com um museu do garimpo de diamantes da região. Para visitá-lo há uma cobrança de uma taxa de R$ 20,00 por pessoa que vale muito a pena. Além de conhecer os acervos, você terá acesso a duas cachoeiras. São as cachoeiras da Piabinha e do Tiburtino que faleremos nos tópicos a seguir.

Cachoeira da Piabinha

cachoeira piabinha
Cachoeira da Piabinha – Mucugê, Bahia

A primeira cachoeira localizada dentro do Projeto Sempre Viva. Fica localizada literalmente no “quintal” das instalações deles. Apesar da água gelada, sem dúvida o banho lá é delicioso e bem tranquilo. 

Cachoeira do Tiburtino

cachoeira do Tiburtino
Cachoeira do Tiburtino – Mucugê, Bahia

A segunda cachoeira do Projeto Sempre Viva, fica a uma distância de 1,5 km da primeira cachoeira. Desse modo, seu acesso é feito por uma trilha bem leve (cerca de 20 minutos) e vale muito a pena conhecê-la. A cachoeira forma um poço grande e com águas tranquilas, ideais para banho. Assim como a Piabinha, a água aqui é bem fria. 

Poço Encantado

poço encantado
Poço Encantado – Itaetê, Bahia

Com toda a certeza o poço Encantado é um daqueles lugares que quando você vê o queixo chega cair da boca de tão belo que é, seu nome não é a toa. Fica localizado no município de Itaetê, a cerca de 47 km de Mucugê e perto do poço Azul que falaremos a seguir (é possível fazer os dois passeios no mesmo dia). 

Tem uma cor azul de tonalidade linda e marcante e é iluminado por um raio de sol que entra formando um facho luminoso na água. A saber, a melhor época para visitação e visualização do raio de sol é entre os meses de abril e setembro, durante o horário das 10:00 h às 13:30 h. Seu ponto negativo fica pelo fato de ser proibida a entrada para banho. 

Ademais, para chegar até o poço é cobrada uma taxa de visitação de R$ 30,00 por pessoa para manutenção do local e vale cada centavo dessa quantia. A descida é bastante longa e feita por degraus irregulares, requerendo bastante cuidado. 

Poço Azul

poço azul
Poço Azul – Nova Redenção, Bahia

O Poço Azul é tão belo quanto o Encantado (embora eu tenha achado o Encantado mais lindo). Fica localizado no município de Nova Redenção e, a partir do poço Encantado, o acesso é feito por uma estrada de terra de aproximadamente 25 km.

Suas águas também têm um tom azul marcante e na época e horários certos é possível visualizar os raios de sol iluminando as águas. Certamente a melhor época para ver esse espetáculo é também entre os meses de abril e setembro durante o horário das 10:00 h às 13:30. 

Aqui também há uma taxa de R$ 30,00 por pessoa para visitação e o acesso é bem mais tranquilo que ao poço Encantado, além disso, é possível nadar! O tempo permitido para a flutuação é de 30 minutos por pessoa e a sensação é de estar voando. 

Contato

Gostou dessas dicas de Mucugê? Caso tenha qualquer dúvida ou se necessitar de mais informações é só deixar um comentário abaixo, terei o maior prazer em respondê-lo. Se preferir, pode entrar em contato comigo CLICANDO AQUI ou então é só enviar um e-mail para contato@wellsnaestrada.com.br.

Já me segue nas redes sociais?

Para acessar minha página do Instagram CLIQUE AQUI, ou então procure por @wellsnaestrada.

Para acessar minha página do Facebook CLIQUE AQUI, ou então procure por Wellsnaestrada.

Nossa loja de imagens

Para acessar nossa loja de fotos basta CLICAR AQUI, lá você encontrará várias opções de imagens para download ou para adquirir impressa, legal né?

Tudo sobre Andaraí e suas maravilhas naturais

Andaraí, a saber, é uma cidade de aproximadamente 13000 habitantes que fica localizada na parte central da Chapada Diamantina. Além disso, é a terra natal do escritor Herberto Sales e possui uma grande quantidade de cachoeiras e rios em seu território. 

Dentre as principais atrações turísticas daqui estão a cachoeira do Ramalho, a cachoeira do Roncador, o surpreendentemente belo Pantanal de Marimbus, a cachoeira Donana e o distrito de Igatu.

Cachoeira do Ramalho

A principal cachoeira de Andaraí é ao mesmo tempo a nona mais alta da Chapada Diamantina. A trilha para chegar até ela tem um percurso aproximado de 5,5 km (ida) e é de dificuldade moderada, durando em média 1:30 h a 2:00 h. A beleza da trilha e da cachoeira é com toda a certeza fenomenal e é recomendado conhecê-la no período de chuvas que é quando ela estará em seu máximo explendor. 

Pantanal de Marimbus

Pantanal de Marimbus
Pantanal de Marimbus – Andaraí, Bahia

Sabia que na Chapada Diamantina existe um pantanal? Não chega a ter a grandiosidade do famoso Pantanal Mato Grossense mas é tão belo quanto! A saber, esse é o Pantanal de Marimbus e seu principal acesso é feito pela cidade de Andaraí. 

Essa maravilha da natureza é o local em que todos os rios do parque nacional deságuam, criando esse incrível visual. 

Por lá é possível observar diversas espécies de pássaros, vitórias-régias, garças, sem contar o barulho acalmante das águas do rio. O recomendável é ir bem cedo para o passeio pois assim você conseguirá observar muito mais vida no ecossistema do local. Começamos o passeio na fazenda Marimbus onde embarcamos em canoas e seguimos o rio até um local ideal para banho. A duração média é de 3 h, sendo possível, dessa forma, aproveitar o restante do dia para fazer outro passeio. 

Cachoeira do Roncador

Cachoeira do Roncador – Andaraí, Bahia

A Cachoeira do Roncador é uma das atrações mais legais da cidade de Andaraí pois consiste em duas partes distintas. A parte de cima, onde existem piscinas naturais nas quais a água faz uma espécie de hidromassagem natural e a parte de baixo na qual há a cachoeira e seu poço. Além disso, na parte de baixo existe uma praia de rio bem tranquila para banho.

Para se chegar até lá é necessária uma trilha de aproximadamente 5 km de dificuldade fácil. Ao fim dessa trilha chegamos à Fazenda Roncador, local que tem um casarão que funciona como restaurante com fogão a lenha e pousada e que fica bem ao lado da cachoeira. A comida lá servida é deliciosa e recomendo que conheça as cachoeiras pela manhã, almoce, descanse no casarão e só depois faça a trilha de retorno. 

Cachoeira Donana

Cachoeira Donana – Andaraí, Bahia

Mais uma das cachoeiras do município de Andaraí, a cachoeira Donana antes de tudo fica pertinho da cidade (5 km), às margens da rodovia BA-142, o que significa que você pode chegar de carro até ela. 

O acesso até seus poços é feito pro uma pequena trilha de dificuldade leve que começa na lojinha de artesanatos e lanchonete Toca do Morcego. Nessa loja ainda existe um mirante do qual é possível avistar todo o esplendor da cachoeira. Ademais, não é cobrada nenhuma taxa de visitação seja para o mirante ou para a cachoeira. 

Além disso, devido a sua proximidade da cidade e facilidade de acesso, não necessita de guia e pode ser combinado com outro atrativo no mesmo dia. Recomendo que faça a visita no retorno do vilarejo de Igatu, pois já é caminho de retorno para a cidade de Andaraí. 

Vilarejo de Igatu

Estrada para Igatu – Andaraí, Bahia

O vilarejo de Igatu é um daqueles lugares que de tão bucólico parece saído de um romance. A saber, Igatu é um distrito de Andaraí que tem cerca de 400 habitantes e que preserva uma herança histórica muito forte. Todas as suas ruas são de pedra, incluindo a estrada de acesso, e as casas são do tempo do garimpo de diamantes. 

Distante 14 km de Andaraí, seu acesso é fácil caso você esteja de carro, não necessitando de guia para chegar até lá. Antes de mais nada, o vilarejo é um museu a céu aberto que conta a história da ascensão e declínio do garimpo de diamantes na região (há quem a chame de Machu Pitcchu baiana). 

Ainda, existem algumas pequenas cachoeiras ao redor do distrito, mas que não são legais para banho por serem bem pequenas mesmo. O recomendável é ir em Igatu para conhecer a história e beleza do local e, no retorno, parar na cachoeira Donana para banho. Por fim, a estrada para Igatu é maravilhosa, apresentando vistas incríveis ao longo do caminho. 

Contato

Gostou dessas dicas de Andaraí? Caso tenha qualquer dúvida ou se necessitar de mais informações é só deixar um comentário abaixo, terei o maior prazer em respondê-lo. Se preferir, pode entrar em contato comigo CLICANDO AQUI ou então é só enviar um e-mail para contato@wellsnaestrada.com.br.

Já me segue nas redes sociais?

Para acessar minha página do Instagram CLIQUE AQUI, ou então procure por @wellsnaestrada.

Para acessar minha página do Facebook CLIQUE AQUI, ou então procure por Wellsnaestrada.

Nossa loja de imagens

Para acessar nossa loja de fotos basta CLICAR AQUI, lá você encontrará várias opções de imagens para download ou para adquirir impressa, legal né?

Tudo sobre a belíssima Lençóis na Chapada Diamantina

morro do pai Inacio
Vista do Morro do Pai Inácio – Palmeiras, Bahia

Ao mesmo tempo em que é a mais procurada cidade do parque nacional, Lençóis é também a mais agitada. É uma cidade repleta de história e é em suas redondezas que ficam as atrações inegavelmente mais famosas do parque. 

O pequeno município tem uma população de cerca de 11000 habitantes e, a saber, surgiu durante o século XIX, período no qual ocorreram descobertas de diversas jazidas de diamantes na região. Na época, a saber, Lençóis ficou conhecida como a “capital das lavras” devido a grandiosidade da exploração da pedra preciosa na região e teve até quem a chamasse de “Vila Rica da Bahia” em alusão a Vila Rica que futuramente viria se tornar a cidade de Ouro Preto em Minas Gerais. 

Dentre as principais atrações turísticas da região de Lençóis temos o icônico Morro do Pai Inácio, a Fazenda Pratinha bem como a Cachoeira da Fumaça.

Morro do Pai Inácio

Conhecido acima de tudo por ser o cartão postal da Chapada Diamantina, o Morro do Pai Inácio proporciona a seus visitantes uma vista incrível do parque nacional. Fica localizado no município de Palmeiras/BA, às margens da BA-235, ao passo que é possível chegar de carro até a sua base. 

Diz a lenda que o nome “Pai Inácio” refere-se a um escravo que, por namorar escondido a filha de um coronel, foi perseguido, pulou do topo do morro e sobreviveu à queda (se é verdade eu não sei).

Para chegar ao topo é necessário fazer uma pequena trilha de dificuldade média/leve, que tem uma duração aproximada de 15-25 minutos. Além disso, vale destacar que pessoas de idade ou que tenham dificuldades de locomoção terão bastante dificuldade em completá-la. 

Quando se chega ao topo do morro entendemos por que ele é tão falado e procurado pelas pessoas que visitam a região. Por fim, uma dica infalível é subir no final da tarde de modo a apreciar o pôr do sol lá em cima, certeza que irá se impressionar. 

por do sol no pai Inacio
Pôr do Sol no Morro do Pai Inácio – Palmeiras, Bahia

Fazenda Pratinha

A fazenda pratinha é um daqueles lugares em que a água é tão transparente que nem parece real. A beleza do local é indiscutível e, além disso, existem diversas atividades que podem ser praticadas por lá. 

O lugar é uma propriedade particular e por isso tudo é cobrado (desde a entrada até as atividades lá desenvolvidas). O valor da entrada, que dá direito a visitar as duas grutas (Pratinha e gruta Azul) e ao banho no rio, é de R$ 50,00 por pessoa (crianças menores de 10 anos não pagam e idosos pagam meia). As atividades opcionais são flutuação (R$ 40,00), tirolesa (R$ 20,00 por salto), fotos subaquáticas (R$ 90,00 para 20 fotos), stand up (R$ 30,00, 30 minutos), caiaque (R$ 20,00, 30 minutos) e pedalinho (R$ 20,00, 30 minutos). Vale muito a pena fazer pelo menos a flutuação pela gruta da Pratinha, é uma experiência única. Além disso, há no local uma pousada, quem se hospeda fica isento da taxa de entrada (não verifiquei os preços, mas na internet é fácil de achar).

Fazenda Pratinha
Fazenda Pratinha – Lençóis, Bahia

Cachoeira da Fumaça

Antes de tudo, vale dizer que a Cachoeira da Fumaça é a mais alta das cachoeiras do parque nacional da Chapada Diamantina e uma das cachoeiras mais altas do Brasil. A queda d’agua tem aproximadamente 340 metros de altura e uma vista maravilhosa do vale do Capão. O acesso a sua parte superior é feito por uma trilha de 6 km (ida) e intensidade considerável, com os dois primeiros quilômetros de subida íngreme.

cachoeira da fumaça
Cachoeira da Fumaça – Lençóis, Bahia

A trilha é muito bela, apresentando uma paisagem maravilhosa durante todo o trajeto, o que rende fotos maravilhosas. Todas as agências de turismo do parque oferecem esse passeio, o qual tem a duração do dia inteiro. Na volta da cachoeira da Fumaça há uma parada na cachoeira do Riachinho pois na parte superior da Fumaça não há poços para banho. 

Mas e se quiser conhecer a parte de baixo da cachoeira e tomar banho em seu poço? É possível, porém a trilha é bem mais puxada (um percurso de 36 km) que leva três dias para ser feita (ida e volta). Espero um dia conseguir fazê-la e trazer essa experiência para vocês. 

Contato

Gostou dessas dicas de Lençois? Caso tenha qualquer dúvida ou se necessitar de mais informações é só deixar um comentário abaixo, terei o maior prazer em respondê-lo. Se preferir, pode entrar em contato comigo CLICANDO AQUI ou então é só enviar um e-mail para contato@wellsnaestrada.com.br.

Já me segue nas redes sociais?

Para acessar minha página do Instagram CLIQUE AQUI, ou então procure por @wellsnaestrada.

Para acessar minha página do Facebook CLIQUE AQUI, ou então procure por Wellsnaestrada.

Nossa loja de imagens

Para acessar nossa loja de fotos basta CLICAR AQUI, lá você encontrará várias opções de imagens para download ou para adquirir impressa, legal né?

A impressionante Chapada Diamantina

Chapada Diamantina
Parque Nacional Chapada Diamantina – Bahia, Brasil

A Chapada Diamantina é certamente um dos destinos mais belos desse nosso Brasil. O parque nacional é enorme, abrangendo uma área de 152.000 ha, e possui uma diversidade ecológica e ambiental inegavelmente gigantesca. 

Para o turista que visita as cidades da região, são cerca de 300 km de trilhas que proporcionam paisagens acima de tudo de tirar o fôlego. Além disso, um total de 33 cachoeiras, 2 cavernas, 10 pontos de escalada, 16 sítios históricos e um pantanal (o pantanal de Marimbus) completam a lista de atrações principais (fonte: www.icmbio.gov.br).

Dentre as principais cidades que servem de abrigo para os visitantes da região temos, em suma, Lençóis (a mais famosa e badalada), Mucugê, Andaraí e ainda Rio de Contas na parte mais ao sul. Enfim, falaremos sobre cada uma delas e suas principais atrações nos tópicos a seguir.

Lençóis, a “capital” da Chapada Diamantina

morro do pai Inacio
Vista do Morro do Pai Inácio – Palmeiras, Bahia

Ao mesmo tempo em que é a mais procurada cidade do parque nacional, Lençóis é também a mais agitada. É uma cidade repleta de história e é em suas redondezas que ficam as atrações inegavelmente mais famosas do parque. 

O pequeno município tem uma população de cerca de 11000 habitantes e, a saber, surgiu durante o século XIX, período no qual ocorreram descobertas de diversas jazidas de diamantes na região. Na época, a saber, Lençóis ficou conhecida como a “capital das lavras” devido a grandiosidade da exploração da pedra preciosa na região e teve até quem a chamasse de “Vila Rica da Bahia” em alusão a Vila Rica que futuramente viria se tornar a cidade de Ouro Preto em Minas Gerais. 

Dentre as principais atrações turísticas da região de Lençóis temos o icônico Morro do Pai Inácio, a Fazenda Pratinha bem como a Cachoeira da Fumaça. Para conhecer todos os detalhes dos pontos turísticos de Lençóis CLIQUE AQUI.

Andaraí, lar do Pantanal Baiano

Pantanal de Marimbus
Pantanal de Marimbus – Andaraí, Bahia

Andaraí, a saber, é uma cidade de aproximadamente 13000 habitantes que fica localizada na parte central da Chapada Diamantina. Além disso, é a terra natal do escritor Herberto Sales e possui uma grande quantidade de cachoeiras e rios em seu território. 

Dentre as principais atrações turísticas daqui estão a cachoeira do Ramalho, a cachoeira do Roncador, o surpreendentemente belo Pantanal de Marimbus, a cachoeira Donana e o distrito de Igatu. Para conhecer todos os detalhes dos pontos turísticos de Andaraí CLIQUE AQUI.

Mucugê e seu cemitério Bizantino

Mucugê
Casarões de Mucugê – Mucugê, Bahia

Primeiramente, Mucugê é uma cidade de aproximadamente 9000 habitantes que fica localizada na parte central da Chapada Diamantina. De fato foi a primeira cidade da região a atrair exploradores sedentos por novas jazidas de pedras preciosas por volta de 1822.

Além disso, suas principais atrações turísticas são o Cemitério Bizantino, o projeto Sempre Viva, as cachoeiras da Piabinha e do Tiburtino e os poços Azuis e Encantados. Esses dois últimos, embora não fiquem no Município de Mucugê, ficam bem próximos (nos municípios de Nova Redenção e Itaetê ,respectivamente), podendo ser visitados em passeios de bate e volta. Ademais, para conhecer todos os detalhes dos pontos turísticos de Mucugê e região CLIQUE AQUI.

Rio de Contas, a cidade mais ao sul da Chapada

Rio de Contas
Igreja de Pedra – Rio de Contas, Bahia

Rio de Contas é a cidade mais ao sul da Chapada Diamantina e tem com efeito aproximadamente 15000 habitantes. As origens da cidade estão em um povoado fundado por escravos alforriados no século XVII.

O Auge de Rio de Contas ocorreu inegavelmente na metade do século XVIII durante a época da exploração de ouro na região. Atualmente os casarões em estilo colonial, que são tombados pelo IPHAM, são o charme da cidadezinha.

Além disso, seus principais pontos turísticos são a cachoeira do Fraga, a Ponte do Coronel e a Fazenda Vaccaro. Para conhecer todos os detalhes dos pontos turísticos de Rio de Contas CLIQUE AQUI.

Contato

Gostou dessas dicas da Chapada Diamantina? Caso tenha qualquer dúvida ou se necessitar de mais informações é só deixar um comentário abaixo, terei o maior prazer em respondê-lo. Se preferir, pode entrar em contato comigo CLICANDO AQUI ou então é só enviar um e-mail para contato@wellsnaestrada.com.br.

Já me segue nas redes sociais?

Para acessar minha página do Instagram CLIQUE AQUI, ou então procure por @wellsnaestrada.

Para acessar minha página do Facebook CLIQUE AQUI, ou então procure por Wellsnaestrada.

Nossa loja de imagens

Para acessar nossa loja de fotos basta CLICAR AQUI, lá você encontrará várias opções de imagens para download ou para adquirir impressa, legal né?

Fazendo compras em New York City

Dollar Americano
O Dollar americano – Moeda dos EUA

Embora Nova York seja uma das cidades mais caras para fazer compras nos EUA, ainda assim vale a pena adquirir itens como roupas, perfumes, eletrônicos e calçados. Existem diversos pontos da Big Apple conhecidos por abrigarem grandes concentrações de lojas de marcas famosas como a Times Square e a 5th Avenue. Mas se você busca melhores preços, certamente as lojas de departamento e os Outlets são uma melhor opção para fazer compras em New York.

Resolvi dividir este texto em tópicos indicando os melhores lugares para adquirir itens de vestuário, perfumaria e produtos eletrônicos.

Roupas e perfumaria

Sem dúvida as lojas de departamento oferecem, dentro da cidade, os melhores preços para artigos de vestuário e perfumaria (incluindo óculos de sol, calçados e demais itens). Dentre as lojas de departamento de Nova York, as maiores e mais famosas são a Macy’s, Century 21, Bloomingdale’s e Burlington Coat Factory. Dentre essas citadas as que encontrei melhores preços foram na Burlington e na Century 21. Nessa ultima adquiri um óculos Ray Ban aviador por US$ 70,00, enquanto que o mesmo óculos na loja da Ray Ban da Times Square estava de US$ 150,00!

Entretanto, é inegável que os melhores preços para artigos de vestuário e perfumaria são encontrados nos Outlets. Contudo, estes espaços ficam afastados das regiões turísticas e, caso decida ir em algum, será necessário separar um dia da sua estada para a visita. Certamente os melhores Outlets mais próximos a New York City são o Jersey Garden e o Woodbury.

Macy’s Maior loja do mundo
Macy’s, a maior loja de departamentos do mundo – New York City, EUA

Eletrônicos, celulares, tablets e câmeras fotográficas

É inegável que quem vai aos Estados Unidos pense em adquirir algum tipo de eletrônico (comprar aquele iPhone novo por um valor bem mais em conta que no Brasil). Dentre as diversas lojas que vendem este tipo de produto, as que obtive os melhores preços foram a Best Buy e B&H Photo Vídeo. Essa última apresentou os melhores preços durante a minha estada na Big Apple. Além disso, a B&H é a maior loja de artigos de fotografia e vídeo dos EUA, apesar de não vender apenas produtos dessa área (lá você encontrará artigos de informática e eletrônicos de todos os tipos). Destaque ainda para a B&H por ter em seu quadro de funcionários alguns que falam português.

Recomendo que visite o site dessas duas lojas para verificar se têm o produto que você necessita. Para acessar os site da B&H CLIQUE AQUI. Para o site da Best Buy CLIQUE AQUI.

Ademais, apesar dessas duas lojas citadas fornecerem produtos Apple muitas vezes com preços melhores que as próprias lojas oficiais da marca, recomendo que conheça uma Apple Store (destaque para a mais famosa delas na 5th Av.) caso seja fã da maçã. 

Contato

Gostou dessas dicas de Compras em Nova York? Caso tenha qualquer dúvida ou se necessitar de mais informações é só deixar um comentário abaixo, terei o maior prazer em respondê-lo. Se preferir, pode entrar em contato comigo CLICANDO AQUI ou então é só enviar um e-mail para contato@wellsnaestrada.com.br.

Já me segue nas redes sociais?

Para acessar minha página do Instagram CLIQUE AQUI, ou então procure por @wellsnaestrada.

Para acessar minha página do Facebook CLIQUE AQUI, ou então procure por Wellsnaestrada.

Nossa loja de imagens

Para acessar nossa loja de fotos basta CLICAR AQUI, lá você encontrará várias opções de imagens para download ou para adquirir impressa, legal né?

Assistindo a um jogo da NBA em New York City

NBA no Madison Square Garden
NY Knicks vs MN Timberwolves – Madson Square Garden, New York City, EUA

É fato que os americanos adoram esportes e os eventos esportivos. Afinal, lá nos EUA esse tipo de evento não é apenas um jogo e acabou, o que acontece é na verdade um verdadeiro espetáculo. Dentro desse mundo, um jogo da NBA não é diferente e é promessa de um grande show. 

Mesmo para quem não é fã de esporte, eu certamente recomendo que verifique a agenda de eventos esportivos que irão ocorrer na cidade e que tente encaixar algum em seu roteiro. Tive o privilégio de conseguir assistir um jogo dos New York Knicks e curti demais, aliás, neste texto vou contar todos os detalhes dessa experiência.

Ademais, a temporada da NBA começa em outubro e termina em abril do ano seguinte, com o título de campeão sendo disputado por 30 equipes. Um total de 82 jogos ocorrem neste período.

Os times de basquete de Nova York

A cidade de Nova York abriga dois dos times da NBA (o Knicks e o Brooklyn Nets), possuindo então duas arenas nas quais ocorrem os jogos. São elas: o mundialmente famoso Madison Square Garden (casa do Knicks) e o novíssimo Barclays Center (casa do Brooklyn Nets). Comprei o ingresso para um jogo no Madson Square Garden, afinal sempre tive vontade de conhecê-lo. 

New York Knicks
New York Knicks é um dos times da cidade – New York City, EUA

Como adquirir seu ingresso para um jogo da NBA

A vendas dos ingressos para os jogos é feita principalmente pela internet pelo site da Ticket Network (CLIQUE AQUI para acessar).  Os valores começam em aproximadamente US$ 70,00 mas podem chegar a US$ 500,00 a depender do assento. Após a confirmação do pagamento, o ingresso é enviado para seu e-mail, bastando imprimi-lo ou apresentá-lo no smartphone na entrada da arena. É altamente recomendável que faça a compra com antecedência pois, devido a alta popularidade do basquete nos EUA, os ingressos esgotam rápido.

O jogo de basquete a la NBA

Inegavelmente cada jogo de basquete será sempre um show diferente. O entretenimento que um evento esportivo desses entrega é sensacional e as quase 1:30 h que você passará na arena parecerão minutos. 

Antes do jogo sempre há a execução do hino nacional dos Estados Unidos por um cantor ou uma cantora de renome. Surpreendentemente, no jogo que assisti quem fez esta apresentação foi Mariah Carey.

Antes de mais nada, o jogo de basquete consiste em 4 quartos de 12 minutos cada, sendo que a cada final de quarto ocorre um espetáculo das cheerleaders ou brincadeiras com a torcida. Após os dois primeiros quartos, há um intervalo maior no jogo no qual ocorre a famosa apresentação das cheerleaders e mais brincadeiras. Além disso, a cada pedido de “tempo” que um técnico faz entram novamente as cheerleaders para divertir os torcedores, as vezes jogando brindes nas arquibancadas. 

Claro que no meio de todas essas atividades paralelas há o jogo propriamente dito. Você irá assistir ao melhor do basquete mundial e presenciar jogadas incríveis e uma energia maravilhosa da torcida ajudando o time da casa. A cada jogada ofensiva do time a galera explode e vibra com seu time do coração.

Outros esportes em New York City

Além da NBA, Nova York recebe jogos de hokey da NHL (com três equipes na cidade), baseball da MBL (com duas equipes) e futebol americano da NFL (representada na cidade por uma equipe). Seja em qualquer desses esportes, a diversão é garantida e recomendo bastante que busque participar de uma experiência desse tipo.  

Contato

Gostou dessas dicas para assistir a um jogo da NBA em Nova York? Caso tenha qualquer dúvida ou se necessitar de mais informações é só deixar um comentário abaixo, terei o maior prazer em respondê-lo. Se preferir, pode entrar em contato comigo CLICANDO AQUI ou então é só enviar um e-mail para contato@wellsnaestrada.com.br.

Já me segue nas redes sociais?

Para acessar minha página do Instagram CLIQUE AQUI, ou então procure por @wellsnaestrada.

Para acessar minha página do Facebook CLIQUE AQUI, ou então procure por Wellsnaestrada.

Nossa loja de imagens

Para acessar nossa loja de fotos basta CLICAR AQUI, lá você encontrará várias opções de imagens para download ou para adquirir impressa, legal né?

Subindo nos arranha céus de Manhattan em New York

one World Trade Center
One World Trade Center – New York City, EUA

Um dos programas mais legais de Nova York, subir em um dos arranha céus para admirar a vista da cidade por cima é certamente um programa que recomendo a todos que visitam a Big Apple. Atualmente existem quatro prédios mais famosos que permitem a visitação a seu topo mediante o pagamento de uma entrada: O icônico Empire State Building, o One World Observatory, o Top of The Rock e o mais recente Hudson Yards.

Empire State Building, o mais icônico dos arranha céus

O Empire State Building é um arranha céu de 381 m de altura, que foi o prédio mais alto do mundo entre 1931 e 1970, embora atualmente seja apenas o 9º mais alto dos EUA. O edifício mais icônico da cidade (e um dos mais icônicos arranha céus do mundo) recebe mais de 3,5 milhões de visitantes todos os anos, vindos de diversas partes do planeta.

A visita

Os encantos do edifício começam antes mesmo da subida a suas plataformas de observação. Antes de tudo, o saguão é encantador e luxuosamente decorado, existindo uma maquete do prédio na entrada para os observatórios. Além disso, ainda existem várias salas com exposições bem legais antes do acesso aos elevadores. São painéis e réplicas que contam a história do prédio, contendo até uma réplica de elevador antigo e ainda uma sala com os mais de 400 filmes que utilizaram o Empire State como cena, com um destaque especial ao lendário King Kong.

O Observatório principal fica no 86º andar e fica ao ar livre, cercado por muros e grades e que tem uma visão 360° da cidade. Existe um segundo observatório localizado no 102º, fechado com vidros e climatizado, porém com um ingresso mais caro. Os preços são de US$ 42,00 para o 86º andar e de US$ 72,00 para incluir o 102º na visita. Os passes de atrações contemplam o acesso ao observatório mais baixo, porém é possível solicitar o upgrade na bilheteria na hora de trocar o passe pelo ingresso mediante o pagamento da diferença.

vista do Empire State Building
Vista do Empire Estate Building – New York City, EUA

Na saída da visita passamos por uma lojinha de lembranças do prédio, no entanto os preços são elevados. É possível encontrar os mesmos artigos vendidos ali em Chinatown por um valor bem mais em conta. 

O Empire State Building funciona todos os dias do ano, das 08 h às 02 h. 

One World Observatory, o mais alto

O edifício mais alto dos EUA e do hemisfério ocidental na atualidade. Fica localizado na região de Lower Manhattan onde existiam as torres gêmeas, derrubadas nos atentados de 11 de setembro, e faz parte do novo complexo do World Trade Center. O prédio foi inaugurado em 2014, dessa forma é um dos mais modernos arranha céus da cidade. 

A visita

A experiência da visita começa logo após passar pelo raio x, com um enorme telão contabilizando a quantidade de visitantes que já passaram por ali e seus países de origem. Além disso, existem telas que passam vídeos contando a história da reconstrução do World Trade Center. Logo após entramos no elevador batizado de “Sky Pod”, que é um espetáculo a parte. Ele é todo coberto com painéis que mostram um filme que conta a história e evolução do skyline de Manhattan. Surpreendentemente, o trajeto até o topo no 102º andar é feito em 60 segundos.

Descendo do elevador, chegamos em uma sala com telas que transmitem um vídeo sobre a cidade de Nova York. Seguindo o passeio chegamos ao observatório propriamente dito. Sem dúvida a vista da cidade é maravilhosa, sendo possível observar diversos pontos da cidade e até de Nova Jersey. Existe ainda uma parte do piso que é formado por telas que transmitem as imagens de câmeras posicionadas na parte externa do prédio que mostram as ruas lá embaixo (a sensação é que estamos flutuando!). 

Brooklyn e Manhattan bridges vistas do One World Observatory
Vista do One World Observatory – New York City, EUA

Além disso existe uma apresentação feita pelos guias do local chamada “City Pulse”, que, utilizando uma série de telas interativas, vão contando a história da cidade de uma forma bem dinâmica. 

Ademais, no local também existe uma loja de lembrancinhas, porém os preços são mais elevados do que os valores que encontramos nas ruas de Chinatown.

Preços e horários de funcionamento

O One World Observatory abre todos os dias da semana das 09 h às 20 h.

O preço do ticket para acessar o One World Observatory custa US$ 42,00 e é recomendável que faça a compra antecipada pela internet no site da GetYourGuide, pois assim é possível reservar o horário da visita de modo a evitar filas. Ademais, é possível utilizar os passes de atrações para a entrada. 

Top of The Rock, a melhor vista

Um dos edifícios localizados no Rockefeller Center, o 30 Rockefeller Plaza abriga o observatório Top of The Rock no 70º andar. Aos seus pés ficam localizadas a pista de patinação no gelo mais famosa da cidade (retratada no filme “Esqueceram de Mim”) e, durante o mês de dezembro, a gigantesca árvore de natal igualmente famosa.

entardecer no Top of The Rock
Plataforma de observação do Top of The Rock – New York City, EUA

O Observatório desse edifico fica localizado a 259 metros de altura e tem uma vista privilegiada da ilha de Manhattan (a mais bela em minha opinião). O destaque fica por conta da proximidade do Empire State Building que se sobressai nas fotos. Além disso, no lado oposto é possível ter uma visão do Central Park (ainda que esta seja um pouco prejudicada pelos demais arranha céus).  Caso tenha que escolher apenas um dos prédios para subir esse é minha recomendação, até mesmo em relação ao mais procurado Empire State, pois aqui o Empire State sai na foto!

Preços e horários de funcionamento

O Top of The Rock funciona todos os dias das 08 h às 00 h e recomendo que faça sua visita algumas horas antes do pôr do sol. Desse modo é possível curtir o visual de dia e pegar o início da noite, com as luzes da cidade se acendendo. 

anoitecer no Top of The Rock
Anoitecer no Top of The Rock – New York City, EUA

Os valores para o observatório são de US$ 42,00 para adultos e US$ 35,00 para crianças de 6 a 12 anos (menores de 5 anos não pagam entrada). Ademais, é possível utilizar os passes de atrações para este passeio.

Edge NYC no Hudosn Yards, o mais recente dos arranha céus

Inaugurado em 2019, o complexo Hudson Yards abriga o mais novo observatório nas alturas de Manhattan. Localizado no 100º andar, a 335 metros de altura, o Edge NYC é um deque de observação em 360 graus que tem uma vista sem interferência e mais pela lateral da ilha de Manhattan. Em síntese, é composto por um deque fechado e climatizado e por uma plataforma externa em formato triangular que é o destaque do local. Nessa plataforma existe ainda uma parte do piso que é de vidro, o que permite observar as ruas lá embaixo.

Ademais, para subir no Edge NYC é necessário agendamento prévio de data e horário de visitação e o preço é de US$ 38,00. Para acessar o site e conferir datas e horários disponíveis CLIQUE AQUI.

Contato

Gostou dessas dicas para conhecer os arranha céus de Nova York? Caso tenha qualquer dúvida ou se necessitar de mais informações é só deixar um comentário abaixo, terei o maior prazer em respondê-lo. Se preferir, pode entrar em contato comigo CLICANDO AQUI ou então é só enviar um e-mail para contato@wellsnaestrada.com.br.

Já me segue nas redes sociais?

Para acessar minha página do Instagram CLIQUE AQUI, ou então procure por @wellsnaestrada.

Para acessar minha página do Facebook CLIQUE AQUI, ou então procure por Wellsnaestrada.

Nossa loja de imagens

Para acessar nossa loja de fotos basta CLICAR AQUI, lá você encontrará várias opções de imagens para download ou para adquirir impressa, legal né?

O incrível American Museum of Natural History em New York

American Museum of Natural History
Entrada principal do American Museum of Natural History – New York City

Sei que nem todos gostam de museus, mas garanto que vale a pena visitar pelo menos um deles. Fiz a visita ao American Museum of Natural History e fiquei inegavelmente maravilhado com a coleção. São cinco pavilhões com um acervo de cerca de 30 milhões de artefatos e espécimes. Dessa forma, já adianto que é impossível conhecer tudo em apenas uma visita. Portanto, um tempo médio para uma experiência boa é de pelo menos 4 h de passeios pelos corredores e galerias do museu.

O AMNH ficou mundialmente famoso após o filme Uma Noite no Museu, que foi gravado aqui. Além disso, dispõe de um enorme acervo de fósseis de dinossauros em tamanho natural e de animais de todos os tipos empalhados. Para quem está com crianças, certamente elas ficarão maravilhadas com os esqueletos dos bichos pré-históricos e com os bichinhos empalhados.

Tiranossauro rex fóssil
Tiranossauro Rex no AMNH – New York City

Horário de funcionamento do American Museum of Natural History

 O horário de funcionamento do AMNH é das 10:00 h às 17:45 h, abrindo todos os dias da semana. A entrada para o museu custa US$ 23,00 para adultos, US$ 13,00 para crianças de 2 a 12 anos e US$ 18,00 para estudantes e aposentados. Ademais, há a possibilidade de utilizar um dos passes de atrações para a entrada.

ídolo
“Ei bobão, me dá um chiclete” (Uma noite no museu) – New York City

Contato

Gostou dessas dicas do American Museum of Natural History em Nova York? Caso tenha qualquer dúvida ou se necessitar de mais informações é só deixar um comentário abaixo, terei o maior prazer em respondê-lo. Se preferir, pode entrar em contato comigo CLICANDO AQUI ou então é só enviar um e-mail para contato@wellsnaestrada.com.br.

Já me segue nas redes sociais?

Para acessar minha página do Instagram CLIQUE AQUI, ou então procure por @wellsnaestrada.

Para acessar minha página do Facebook CLIQUE AQUI, ou então procure por Wellsnaestrada.

Nossa loja de imagens

Para acessar nossa loja de fotos basta CLICAR AQUI, lá você encontrará várias opções de imagens para download ou para adquirir impressa, legal né?

Como conhecer os principais parques de New York City

Central Park no inverno – Nova York, EUA

Nova York é uma cidade que oferece a seus moradores e visitantes diversas opções de parques e áreas recreacionais. São cerca de 1700 espaços disponíveis, alguns enormes e outros bem pequenos, mas todos fazem com que a Big Apple se torne mais agradável. Nesse texto falarei um pouco mais sobre os principais parques de New York City.

Dentre todos esses parques os que considero os principais são o inegavelmente famoso Central Park, o Bryant Park, o Washington Square Park, o parque The High Line e o Brooklyn Bridge Park. 

Central Park (o principal dos principais parques de New York)

Bow Bridge – Central Park, Nova York, EUA

Certamente um dos maiores parques urbanos do mundo e um dos símbolos da cidade de Nova York, possuindo uma área de 3,41 km². Além disso, é considerado pelos nova-iorquinos como um oásis dentro da grande cidade. O parque é mundialmente famoso, pois já apareceu em diversos filmes e séries de TV e, devido a essa fama, recebe anualmente cerca de 42 milhões de visitantes.

Dentro do parque é possível encontrar diversas atrações como cascatas, lagos, bosques, praças, grandes gramados, um restaurante, além de um zoológico (o Central Park Zoo retratado na animação Madagascar) e, inesperadamente, até um castelo (o castelo Belvedere). É possível passear por lá andando ou de bicicleta (você pode fazer um tour de bicicleta guiado ou pegar uma das bicicletas urbanas e se aventurar sozinho). Devido a imensidão do lugar, recomendo que separe um turno inteiro para conhecê-lo, tenho certeza que irá se apaixonar.

Ademais, dentre os principais pontos de interesse do parque podemos citar: The Bow Bridge (a ponte mais famosa do parque), The Great Lawn (um enorme gramado no meio do parque), Strawberry Fields (Uma homenagem ao Beetle Jhon Lennon), Jacqueline Kennedy Onasses Reservoir (o maior lago do Central Park com um perímetro de aproximadamente 2,4 km), Sheep Meadow (mais uma grande área verde que os locais utilizam para fazer piqueniques e relaxar), Shakespeare Garden (um dos belos jardins que contém uma amoreira que dizem que foi o próprio Shakespeare quem plantou), The Mall (um enorme caminho arborizado que vai dar na Bethesda Terrace and Fountain ( que é a praça mais famosa do parque), além do Central Park Zoo e do Castelo Belvedere que já citamos.

Bryant Park

Bryant Park – Nova York, EUA

É o parque que fica localizado atrás da biblioteca publica de Nova York, no coração de Midtown, e é repleto de atrações e atividades durante todo o ano. Na primavera e no verão há um lindo gramado para piqueniques, relaxar, tomar um sol ou ler um livro. No inverno o local recebe uma pista de patinação no gelo. Por fim, é lá que fica a famosa fonte Josephine Shaw Lowell, a qual tem suas águas completamente congeladas no inverno.

Washington Square Park

Arco do Washington Square Park – Nova York, EUA

O parque batizado em homenagem a George Washington fica localizado em Greenwich Village e é um centro de atividades culturais, recebendo diversos artistas de rua que se apresentam por lá. Além disso, marca o começo da quinta avenida e é repleto de atrativos como playgrounds, mesas de xadrez e piquenique e jardins.  Seus dois marcos mais famosos são o Arco de Washington e sua grande fonte.

The High Line (o mais novo dos parques de New York)

O parque The High Line é o mais diferente de todos os parques da Big Apple. Ele foi construído em cima de uma linha de trem suspensa desativada, que fica a 10 metros acima das ruas.  Tem uma extensão de aproximadamente 1,5 km e recomendo que percorra cada cm dele, certeza que irá curtir a caminhada. Além disso, é também uma espécie de galeria de arte urbana com diversos grafites nos muros e nos prédios ao redor. 

Brooklyn Bridge Park

Vista do Skyline de Manhattan – Brooklyn Bridge Park, Nova York, EUA

Este parque fica localizado embaixo da ponte do Brooklyn, entre esta e a Manhattan Bridge, na região conhecida como D.U.M.B.O. (Down Under Manhattan Bridge Overpass).  Seu principal atrativo é a bela vista do famosíssimo Skyline de Manhattan, mas também tem um enorme gramado para fazer piqueniques ou relaxar (no inverno não é muito legal esta opção). 

Ademais, a melhor maneira de aproveitar esse lugar é saindo de Lower Manhattan e atravessando a pé a ponte do Brooklyn até chegar ao parque. Em suas redondezas existem diversos cafés e restaurantes e a famosa soverteria do Brooklyn (a Brooklyn Ice Cream Factory, que não abre no inverno). 

Contato

Gostou dessas dicas para conhecer os melhores parques de Nova York? Caso tenha qualquer dúvida ou se necessitar de mais informações é só deixar um comentário abaixo, terei o maior prazer em respondê-lo. Se preferir, pode entrar em contato comigo CLICANDO AQUI ou então é só enviar um e-mail para contato@wellsnaestrada.com.br.

Já me segue nas redes sociais?

Para acessar minha página do Instagram CLIQUE AQUI, ou então procure por @wellsnaestrada.

Para acessar minha página do Facebook CLIQUE AQUI, ou então procure por Wellsnaestrada.

Nossa loja de imagens

Para acessar nossa loja de fotos basta CLICAR AQUI, lá você encontrará várias opções de imagens para download ou para adquirir impressa, legal né?